Notícia

Tecnologia

25/02/2022 - 15h42

Sambatech realiza primeira convenção corporativa no metaverso

Reunião no novo modelo reuniu os mais de 150 colaboradores da empresa

 

 

 

Considerada uma das companhias mais inovadoras da América Latina pela FastCompany, a edtech Sambatech realizou no último dia 11 sua primeira convenção corporativa no metaverso. Chamado de Kick-Off 2022, o encontro contou com a participação virtual de todos os 170 colaboradores da companhia e teve como tema principal os projetos de metaverso da Sambatech e seu foco em inovações e conexões para gerar impacto.

 

"Tivemos até uma mesa de coffee break virtual. A experiência foi muito interessante e o feedback das equipes foi bastante positivo", comenta Mateus Magno, Co-CEO da companhia.

 

Na ocasião, os líderes fizeram overview dos resultados alcançados em 2021 pela empresa e apresentaram os principais desafios, estratégias e expectativas para 2022. Além disso, houve também um momento voltado ao reconhecimento dos colaboradores e gestores que mais se destacaram no último ano.

 

"Anualmente realizamos um encontro parecido para conversar com os colaboradores sobre o desempenho da Samba e o que podemos esperar para o futuro. A ideia de fazer a convenção no metaverso surgiu de forma muito natural, pois sempre buscamos nos manter de olho nas inovações que o mercado está trazendo e de que forma podemos aplicar isso para o nosso time e clientes", observa Mateus.

 

Para Sidnei Ramos, desenvolvedor de Back End da companhia, a experiência foi bem diferente do que ele estava esperando. "A princípio, me senti cético. Fiquei imaginando o que poderia ser diferente das ferramentas que já conhecemos, mas fui surpreendido. Onde o metaverso brilha é nas relações pessoais. Ele agrega muito valor, já que por si só cria um lugar mais agradável, dando uma ideia de identidade que pode ser representada pelos avatares e uma noção geográfica do espaço "físico" e das pessoas que estão com você. Dessa forma, o ambiente virtual fica menos frio, ao agrupar mas sem perder a praticidade que já era conseguida anteriormente", analisa.

 

Imagem de abertura: Divulgação