Notícia

Tecnologia para RH

09/10/2019 - 22h59

Nissan digitaliza 100% do seu processo de recrutamento e seleção no Brasil

Também foi desenvolvida uma versão da plataforma exclusiva para a seleção interna de candidatos

A Nissan, fabricante japonesa de automóveis, implementou uma plataforma 100% digital para modernizar todo o processo de recrutamento e seleção da empresa no Brasil. Com um banco de dados de mais de 70 mil currículos, o projeto, que leva o nome de Agile Recruitment, oferece mais agilidade e transparência na aquisição dos novos talentos.

 

"O novo sistema garante visibilidade de todas as etapas e proporciona mais flexibilidade e dinamismo tanto para a área de Recursos Humanos quanto para os candidatos", explica Gabriela Hernandes, diretora de RH da Nissan América Latina e Brasil.

 

Todas as vagas disponíveis no Brasil estão concentradas no portal https://jobs.kenoby.com/nissanbrasil. Ao acessar o site os candidatos devem criar um login e senha e selecionar as vagas que têm interesse. A evolução da candidatura poderá ser acompanhada através da própria plataforma e a comunicação entre candidatos e avaliadores é toda feita via sistema.

 

Primeiro, os inscritos são avaliados pelo RH, que filtra as candidaturas e depois encaminha os currículos, também via plataforma, ao gestor da vaga. "Com a migração do processo manual de seleção e recrutamento para um método 100% online, além de agilizar as etapas, eliminamos as trocas de e-mails e garantimos clareza entre as partes", complementa Gabriela.

 

Ao navegar pela nova plataforma, os candidatos interessados poderão conhecer um pouco mais sobre a empresa, seus valores, áreas de atuação e os depoimentos de funcionários que desenvolveram sua carreira dentro da companhia.  

 

Nesse novo processo, a área de Recursos Humanos ainda desenvolveu uma versão da plataforma exclusiva para a seleção interna de candidatos. Por meio dela, os funcionários da Nissan terão a oportunidade de saber em primeira mão as oportunidades dentro da companhia, e se candidatar às posições.

 

Foto: Divulgação