Notícia

Tecnologia para RH

12/03/2018 - 09h00

Sharecare Brasil inova em saúde e bem-estar

Por Victor Triveloni, colaboração para a Gestão RH 
 
A viabilidade da internet e o boom das redes sociais e aplicativos têm mudado o modo de vida das pessoas. Os antigos telefones celulares foram substituídos por modernos smartphones, que permitem maior facilidade no acesso a plataformas digitais, independente do lugar em que o usuário esteja. Dessa forma, algumas indústrias são obrigadas a mudar o seu modelo de gestão, para que o seu negócio continue rentável tanto para ela quanto para o seu cliente.
 
“O mercado se tornou mais abrangente a um custo menor, e todos os aplicativos e redes sociais, no final, levam uma grande mensagem: a decisão de cada pessoa está na palma da mão”. Foi assim que o presidente da Sharecare Brasil Nicolas Toth Junior iniciou a apresentação do aplicativo Sharecare, realizada no restaurante Dalva e Dito, no Jardins, em São Paulo. 
 
Com o intuito de inovar constantemente em soluções para cuidados com a saúde através de tecnologias, certificados cientificamente comprovados e ferramentas de assistência, a Sharecare Brasil busca ajudar provedores de saúde, empregadores e planos de saúde a implantar soluções de saúde e bem-estar a um grupo de pessoas, seja ele corporativo ou individual. 
 
Segundo Nicolas, o processo de recepção de aplicativos voltados à área de saúde e bem-estar ainda é lento no Brasil, se comparado ao nível global. “Existem cerca de 160 mil aplicativos relacionados ao setor disponíveis no mercado, ou seja, a saúde está se digitalizando, mas continua muito fragmentada, o que é um problema crucial da indústria. E é aí que a Sharecare entra”, comenta. 
 
RealAge, a idade real
 
Entre as grandes novidades da plataforma da Sharecare Brasil está o RealAge, método que mensura a idade real do usuário se comparada à idade biológica. Ao fazer o cadastro no aplicativo, o usuário é informado sobre o teste, que avalia hábitos alimentares, de exercícios e de sono, assim como histórico de saúde familiar, comportamentos e doenças existentes. 
 
Realizado por mais de 45 milhões de pessoas ao redor do mundo, o teste também tem como objetivo dar uma devolutiva para o usuário e empresas patrocinadoras sobre a qualidade da saúde de sua população, apontando como ela pode ser melhorada. Para ajudar nessa metodologia, a Sharecare criou a moeda da saúde, o GreenDay, que busca 12 dos principais fatores que afetam a saúde e longevidade, como estresse e alimentação.
 
“O GreenDay se torna uma informação importantíssima para o indivíduo, se ele for atingido, pois significa que ele teve um dia saudável. E também dá uma devolutiva para gestores, empresas e operadoras para entender como está a dinâmica da saúde da sua população”, ressalta Toth.
 
De acordo com Nicolas, a expectativa é de que a Sharecare Brasil chegue a 20 milhões de usuários na plataforma, com um faturamento de R$ 200 milhões até o final do ano de 2020, entre usuários comuns e corporativos. “Agora, nós estamos ofertando uma parte da plataforma totalmente gratuita para o público geral, ou seja, a pessoa tem acesso a todas as ferramentas. Haverá também uma parte para o patrocinador”.
 
Healthways e Sharecare
 
Presente no Brasil desde 2008 através de uma parceria com o Grupo Fleury, a Healthways desenvolveu soluções como Coaching de Bem-Estar, Envelhecimento Saudável, Ortopedia, Ligue Saúde e Modelagem Preditiva. Já em março de 2015, a SulAmérica investiu R$ 250 milhões na joint venture, que completou cerca de 1,5 milhão de clientes em seus programas.
 
Com a digitalização do mercado da saúde, em 2016 a Healthways foi comprada pela Sharecare, empresa criada há sete anos nos Estados Unidos, elaborando indicadores de saúde e bem-estar que possibilitam a avaliação da qualidade de vida de determinadas populações em ambientes corporativos, operadoras de saúde e instituições públicas.