Gestão de Pessoas

08/05/2017 - 10h00

Com cerca de 70 mil horas de treinamento, Teuto garante crescimento profissional da equipe

Com cerca de 70 mil horas de treinamento, Teuto garante crescimento profissional da equipe

Por meio de diversos programas de capacitação, o Laboratório Teuto/Pfizer confirma seu compromisso com o desenvolvimento profissional de sua equipe. Em dois anos, a empresa pretende completar 70 mil horas de treinamento para gestores e operadores das áreas produtivas, proporcionando a otimização dos processos em diversos níveis.

 

Com o 'Programa de Desenvolvimento de Líderes', a companhia garante profissionais mais capacitados para entender a necessidade de seus liderados e consequentemente proporcionar um ambiente de trabalho com mais bem-estar, transparência e ética nas relações. Como resultado, o Teuto também ganha na retenção de talentos e aumento da produtividade.

 

Para 2017, estão previstas mais de 20 mil horas de treinamentos compostos por módulos que abordam noções de legislação, gestão de pessoas, comunicação e finanças.

 

Com o objetivo de oferecer mais qualificação e autonomia para os operadores da indústria, em parceria com o Senai, o Teuto também desenvolve o programa 'Operador Autônomo'. Ainda este mês, terá início a 5ª turma do projeto, sendo que, mais de 20 colaboradores das primeiras turmas já foram promovidos no setor de sólidos e líquidos.

 

Para alcançarem o novo cargo, os colaboradores precisam finalizar o curso básico no Senai e o prático na indústria. É necessário passar também por avaliações do setor de RH e Garantia da Qualidade. Depois das avaliações, os colaboradores precisam ainda alcançar as metas de produtividade e qualidade por três meses consecutivos.

 

"Quando nós recebemos esses treinamentos, nossa mente fica aberta. Nós vemos mais oportunidades e, mais do que isso, temos o conhecimento para fazer diferente, para fazer melhor", explica Valdeir Bueno, operador de máquinas no setor de penincilânicos.

 

O Teuto também realiza cursos com profissionais da Pfizer em sua sede em Anápolis (GO), e no exterior, desde 2015, colaboradores das áreas industriais, de apoio e qualidade participam de treinamentos nas plantas da Pfizer em Porto Rico, Puurs (Bélgica), Toluca (México) e Nova Iorque (EUA). As ações também são replicadas internamente em todos os setores da indústria.

 

Com foco nas pessoas, o Laboratório Teuto/Pfizer que, atualmente, conta com aproximadamente 3,5 mil colaboradores diretos, investe na extraordinária força de trabalho de sua equipe. A companhia busca, intensamente, o avanço da qualidade de vida dos colaboradores e proporciona crescimento e desenvolvimento profissional.

Deixe seu comentário: